Descobrir o Porto e Douro em 3 Dias

A Primavera está aí, e com ela um fim-de-semana prolongado (30,31 de Março e 1 de Abril) para festejar a Páscoa ou, para quebrar a rotina, visitar a cidade do Porto eleita em 2017 e pela 3ª vez, como o Melhor Destino Europeu e a mais antiga Região Demarcada do Mundo, o Vale do Douro, ambos classificados pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade.

O Porto - Dia 1

O primeiro dos três dias é para descobrir a cidade e passear pela baixa, visitar os seus monumentos mais emblemáticos, a Torre dos Clérigos (suba os 225 degraus, não se vai arrepender!), a Estação de S. Bento considerada umas das mais belas do Mundo, a Sé Catedral e a panorâmica sobre a cidade (espreite a Ribeira desde o alto da Ponte Luís I mesmo ali ao lado), as igrejas dos Congregados, da Misericórdia (as catacumbas e o museu) e a de S. Francisco com um interior de tirar o fôlego, o Palácio da Bolsa com o seu Pátio das Nações ou o exuberante Salão Árabe, passando pela cosmopolita Rua das Flores até às ruas estreitas do centro histórico e à Casa do Infante ali bem junto ao rio, e pela incontornável Praça da Ribeira.

Depois pode subir pelo funicular ou pelas escadas do Codeçal (é preciso algum fôlego!) desde os Guindais até à parte alta da cidade para descobrir mesmo ali ao lado, a belíssima e pouco conhecida igreja de St. Clara.

Depois, passe pela Praça da Batalha e pelo Teatro Nacional de S. João a caminho de outro ex-libris da cidade, o Café Majestic em plena Rua de Santa Catarina, conhecida por a mais comercial de todas as ruas da cidade.

Deixe-se levar rua acima até à Capela das Almas integralmente revestida por azulejos com representações da vida de S. Francisco de Assis e de Santa Catarina.


Ali vizinho, está o conhecido Mercado do Bolhão agora em obras e considerado um dos locais mais genuínos do espirito tripeiro.

Siga pela Rua Sá da Bandeira para chegar até à Avenida dos Aliados e daí suba até à Cordoaria para outra visita imperdível: a Livraria Lello, considerada uma das mais belas livrarias do Mundo e palco de inspiração para a autora da saga Harry Potter, a britânica J. K. Rowling frequentadora da livraria no tempo em que por aqui viveu.

Passe pelo edifício da Reitoria da Universidade do Porto e aprecie mais um enorme painel de azulejos na Igreja dos Carmelitas que curiosamente confina com outra igreja, a do Carmo, de um antigo convento agora ocupado pela GNR.

O dia pode terminar com a visita ao Centro Português de Fotografia (não se esqueça de fazer as suas fotografias durante o passeio!), mesmo ao lado da já nossa conhecida Torre dos Clérigos.

Antigo tribunal e prisão, por ali passaram, entre muitas outras ilustres figuras da cidade e do País, Ana Plácido e Camilo Castelo Branco, tendo este ali escrito durante o cárcere o célebre romance Amor de Perdição, na cela que também pode visitar.

Se ainda tiver tempo, dê um salto aos Jardins do Palácio de Cristal com panorâmicas sobre a cidade e o Rio Douro, visite o renovado Museu Romântico ali ao lado e assista ao pôr-do-sol na Alameda das Tílias com vista para a Ponte da Arrábida.

Se pretender conhecer a cidade de uma forma mais personalizada pode sempre recorrer a um guia privado para o acompanhar (como a Rita Branco do Porto Encanta) e desvendar muitas das curiosidades que a cidade esconde.

Para a estadia na cidade tem muitas opções para todos os preço entre hotéis, guest-houses ou apartamentos. Deixo-lhe aqui duas sugestões: a guest house Charming House Cedofeita ou pode escolher um dos vários apartamentos da Feel Porto

O Porto, Vila Nova de Gaia e... o Rio Douro - Dia 2

Para o dia seguinte sugerimos algo completamente diferente.

Uma outra perspectiva das cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia e das pontes que as ligam, num passeio privado de 2h:30 a bordo do Arraes, nas águas calmas do Rio Douro.

Ao ritmo tranquilo da conversa sobre o Rio, o Vinho e as Cidades vá saboreando um menú de degustação com sabores tipicamente portugueses, acompanhados de vinhos do Douro e do Porto.

Já almoçado, é tempo de visitar outro dos lugares obrigatórios: as caves de Vinho do Porto.

A oferta é muito variada, mas para quem fez o passeio no rio Douro a bordo do Arraes, a Riversoul oferece um desconto de 10% na visita e prova de vinhos às Caves da Cockburns, uma das mais extensas e mais recentes caves requalificadas para receber os visitantes.

O Douro - Dia 3

Depois de ficar a conhecer melhor o Vinho do Porto, a sua história, a sua ligação com o Rio e com as cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia, a nossa sugestão para o terceiro dia passa pela visita à Região onde tudo começa: o Douro Vinhateiro.

Das paisagens únicas e deslumbrantes da mais antiga Região Demarcada de Vinho do Mundo e classificada como Património Mundial da Humanidade, vá da Régua ao Tua, passando pelo Pinhão e pelos seus miradouros, visite algumas das quintas produtoras de vinho do Porto e vinhos DOC sem deixar de provar o que elas fazem de melhor: o vinho.

Para viver e apreciar mais intensamente este dia, nada melhor que um "tour" com guia privado que o vai buscar e deixar no Hotel para o levar nesta viagem dos sentidos sem se preocupar em conduzir, em escolher as melhores quintas ou o restaurante para almoçar.

Se optar por esta solução, o Pedro Cardoso da North-On-Wheels ainda os leva à bonita cidade de Amarante e ao icónico Palácio de Mateus em Vila Real.